Categorias



Série Sessão Terapia - Ansiedade durante a quarentena

06/07/2020 - Atualizado por: Andressa - Categoria: Ações em Saúde - Tags: saúde mental isolamento terapia


Olá, como você tem passado os últimos dias? Esperamos que bem, apesar do momento atual.

Sabendo que muitas pessoas estão passando por situações de falta de motivação e ansiedade, o ISSEM está se mobilizando para tentar contribuir de forma positiva com este momento.

Dando continuação à série de reportagens sobre os medos e angústias durante a quarentena, o tema abordado hoje será ansiedade.

Esperamos que o material lhe ajude de alguma forma e mostre que você não está sozinho. Todos nós somos humanos, vulneráveis e temos dias bons e ruins.

Nesta edição você verá:

– Ansiedade em Tempos de Pandemia – por Tatiana Uber, psicóloga credenciada ao ISSEM.

– Ansiedade no Trabalho Durante a Quarentena – Entrevista realizada pelo jornalista Higor Lima, da empresa Progic Tecnologia, com a psicóloga Colleen Reed, de Curitiba/PR.
 
 

Ansiedade em Tempos de Pandemia – por Tatiana Uber


O momento que estamos vivendo gera medo, incerteza com o futuro e isolamento social, fatores que podem afetar a saúde mental das pessoas, aumentando os níveis de ansiedade. Buscar informações seguras e qualificadas sobre o assunto, para evitar a insegurança, é algo fundamental para quem convive com os Transtornos de Ansiedade.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS) 18,6 milhões de brasileiros (9,3% da população) convivem com o transtorno. A ansiedade é o que nos prepara diante de situações de perigo como lutar ou fugir, por exemplo. Em tempos de pandemia a ansiedade é necessária para nossa própria proteção, porém quando de modo excessivo acaba trazendo prejuízos emocionais significativos.

A tendência é que as pessoas tenham a sensação de medo desproporcional aos problemas e que se sintam excessivamente inseguras frente a novas situações. É um momento onde todos sairão perdendo algo, ninguém sairá ileso. O empresário está preocupado com as contas e funcionários de sua empresa. As pessoas, especialmente as que fazem parte do grupo de risco, estão com medo de ter complicações de saúde e ao mesmo tempo sofrendo por ficarem sozinhas em casa todos os dias.

O que nós podemos fazer é buscar amenizar os sintomas de ansiedade e tentar viver de uma maneira saudável, refletindo sobre os aprendizados que podemos ter com toda essa triste realidade. Recomenda-se evitar excesso de informações, estabelecer uma rotina, utilizar da tecnologia para se aproximar das pessoas, praticar meditação, utilizar de empatia e fazer terapia.

A Terapia Cognitiva Comportamental é uma grande aliada para auxiliar os pacientes a lidar com o medo e o pânico excessivos, auxiliando o paciente a compreender melhor as suas atitudes e pensamentos. O objetivo principal dessa abordagem é mudar os sistemas de significados dos pacientes para alterar suas emoções e comportamentos com relação às situações estressoras gerando bem-estar e comportamentos resolutivos.


Tatiana Uber é Psicóloga Clínica, credenciada ao ISSEM, e especialista em Terapia Cognitivo Comportamental.

Atualmente atende na Clínica QualiVita, localizada na Rua Olívio Domingos Brugnago, nº 275 - sala 01, Vila Nova, Jaraguá do Sul.

Contato através do telefone (47) 3084-0400.
 

 

Ansiedade no Trabalho Durante a Quarentena - entrevista com Colleen Reed, por Higor Lima, da empresa Progic Tecnologia



Assista ao vídeo abaixo:







Instituto de Seguridade dos Servidores Municipais - CNPJ: 00.091.238.0001-70, Rua Max Wilhelm, 255 - Vila Baependi - Jaraguá do Sul - SC
Fone: (47) 3270-3900